segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Para dentro




O que move uma pessoa a se retirar da sua vida, do seu cotidiano, da presença dos filhos e pessoas queridas para buscar um final de semana de isolamento, reflexão e silêncio?
No meu caso, o motivo foi o desejo de me reencontrar com aquela pessoa que eu sou de verdade enquanto a Rachel corre por aí atrás ou à frente das pessoas, das coisas que chamam, que urgem, que não podem esperar.
Então... Saí do meu "Mundo" e, ironicamente, o que encontrei foi o "Meu" mundo. Passei três dias refletindo, limpando, me permitindo caminhar no meu ritmo, com os passos lentos e serenos. Me permiti a entrega para mim e para o outro, a doação da minha energia, do meu olhar e da aceitação do outro. Vivi a experiência de receber em troca esse amor e aceitação. E me senti viva, plena e reabastecida. Percebi, aliviada, que a luz que buscamos está dentro e que só precisamos abrir o coração e deixá-la brilhar.

3 comentários:

Rachel Kleinubing disse...

“A transformação é movida pelo desejo de retornar a algo puro e original que foi esquecido ou adulterado com o tempo A transformação é possível quando há um encontro com Deus. É o poder do amor de Deus que transforma as profundezas do eu. Quando Deus permanece abstrato, há pouca transformação. Quando Deus se torna pessoal e real, há um relacionamento através do qual é possível experimentar amor. É esse amor que traz fé e coragem para mudar.”.Anthony Strano

Admiro sempre sua capacidade de movimento em busca de soluções! Sua enorme coragem!
beijos,
Eli

Ana Cristina disse...

Oi Rachel. Beijos teste

Evani disse...

Ter a CORAGEM de ir encontrar, buscar, salvar o EU, escondido, tímido, dentro da gente é o mais importante.
É esta decisão a primeira, a primordial.
É a ponta da meada......
É a ponta do “iceberg”......
Você é corajosa..... você conseguiu....
Parabéns!
Te amo!
Evani

 

Impressões © 2010

temas blogspot -